cicaf

*

Você está aqui: HomeNotíciasPáscoa de Irmã Emilia Martina
Publicado em Notícias
Postado por  Província Imaculado Coração de Maria 27 Março 2019
Páscoa de Irmã Emilia Martina

“Revelas os teus segredos

Aos simples e pequeninos!”

 

Aos 23 de janeiro de 1923, na localidade de Braço Paula Ramos em Luis Alves, o casal Jacob e Thereza Martina acolheu, com imensa alegria, a quarta filha, a quem deu o nome de Emília.

Pelo que se conhece da região de Luis Alves, a família Martina, como todas as outras, era profundamente religiosa. Emilia cresceu nesse terreno bom, onde eram cultivados os valores do Evangelho e onde também se cultivava com muito carinho a vocação à vida religiosa.

Assim, Emilia foi crescendo em idade, sabedoria e nos valores evangélicos e, ao mesmo tempo, acolhendo a inspiração divina e fazendo seu discernimento vocacional.

Aos 13 anos ingressou na congregação das Irmãs Catequistas, sendo acolhida em Rodeio, no dia 06 de junho de 1936. Fez o noviciado no ano de 1938 e a profissão religiosa aos 06 de janeiro de 1939.

Entre os anos de 1939 e 1967, Irmã Emilia partilhou o pão do saber com inúmeras crianças e adolescentes, como educadora, nas comunidades de Baixo Salto em Nova Trento; Rio dos Cedros; Ribeirão do Campo em Benedito Novo; Agronômica; Barra do Aterrado Torto em Pouso Redondo e em Alto Rio Krauel, no município de Witmarsum.

Aposentada no magistério escolar, exerceu o Lava-pés através dos mais diversos afazeres da casa, jardim, horta e chácara, nas fraternidades de Rodeio, Santa Maria em Benedito Novo, Doutor Pedrinho, Camboriú, Meia Praia – Itapema, Nereu Ramos, Rodeio 50, Rio dos Cedros e Rodeio Doze.

Ao lado dessas atividades, sempre fez frutificar também suas habilidades artísticas de crochê, bordado e tricô; suas faculdades intelectuais, através de muita leitura, inclusive a leitura diária do jornal, da Revista Convergência e outros periódicos que circulavam pela casa. E não faltava tempo para um bom joguinho de baralho, quando houvesse parceria, e nem para fazer palavras cruzadas. Na sacolinha do tricô, sempre havia também a revistinha das palavras cruzadas.

Tudo isto, sem dúvida alguma, construído sobre a rocha da vida de oração pessoal e comunitária, da meditação da Palavra de Deus, da espiritualidade francisclariana e da fidelidade ao primeiro amor.

Irmã Emilia foi sempre uma pessoa muito discreta e silenciosa. Em Rodeio Doze, como não pudesse visitar as famílias por causa da fragilidade física, dedicava boa parte do tempo ao serviço de escuta e aconselhamento das pessoas que a procuravam em casa, para fazer algum desabafo ou pedir ajuda.

A partir de 2015, já com a saúde fragilizada, Irmã Emilia passou a integrar a fraternidade Paz e Bem em Rodeio, onde poderia receber maiores cuidados das irmãs e equipe de enfermagem da casa.

Domingo último, dia 24 de março, Irmã Emilia foi hospitalizada no OASE em Timbó, com anemia e muitas dores.

Ontem, por volta das 19 horas, a Divina Fonte da Vida a acolheu em seus braços. Seu corpo está sendo velado na capela da Casa Mãe em Rodeio e a celebração de ação de graças por sua vida e missão será hoje, dia 27, às 14 horas, seguida do sepultamento, no Cemitério Municipal de Rodeio.

Agradecemos a Deus pelos 96 anos de vida, pelo bonito testemunho missionário, de alegria e simplicidade! Damos graças, de modo especial, pelos 80 anos de vida religiosa, na fidelidade incondicional ao Carisma da Irmã Catequista Franciscana.

Informações adicionais

  • Fonte da Notícia: Irmãs Cleria Ferreira e Romilda Graciosa Weinrich

Comentários  

#4 lourdes Tereza Crestani 14-04-2019 00:21
Ir. Emilia ajuda-nos a ser silenciosas, alegres e acolhedoras.
#3 Marilete 03-04-2019 20:00
Obrigada Ir. Emilia, pelo testemunho de vida e doação.
#2 Ana Lúcia Corbani 27-03-2019 20:02
Querida Ir. Emília! Somos profundamente agradecidas ao Deus da Vida pelo seu testemunho de amor e fidelidade ao chamado! Que junto de Deus continues velando por nós, suas coirmãs, que necessitamos tanto de orações para prosseguirmos com ternura e vigor a missão a nós confiada nestes tempos tão urgentes! Descanse em paz!
#1 Eliza Schafaschek 27-03-2019 16:16
Que vida linda! Irmã Emilia, ensine-nos a viver, no silêncio, a profundidade da união com Deus. Junto dele, goze da plena luz.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

 

Direção
Isabel do Rocio Kuss

Ana Cláudia de Carvalho Rocha

Marlene dos Santos

Arte: Lenita Gripa

Congregação das Irmãs Catequistas Franciscanas
Rua Des. Nelson Nunes Guimarães, 346
 Bairro Atiradores - Joinville / SC – Brasil
Fone: (47) 3422 4865